Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Ministério Público arquiva processo sobre ajudas indevidas da Câmara ao Arouca

Lusa

Arouca, Aveiro, 25 fev (lusa) - A investigação relativa a alegadas ajudas que a Câmara de Arouca teria concedido indevidamente ao clube de futebol local foi arquivada pelo Ministério Público por as acusações serem "destituídas de fundamento", revelou hoje a autarquia.

Em causa estava o uso do Estádio Municipal pelo Futebol Clube de Arouca, o que em julho de 2014 levou a Diretoria do Norte da Polícia Judiciária a realizar buscas no edifício da Câmara.

Os inspetores davam assim seguimento à denúncia apresentada ao Ministério Público por Miguel Almeida Pinho, com base numa discussão encetada pelo deputado do PSD Luís Ferreira da Silva em Assembleia Municipal.