Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Mineira brasileira Vale perdeu 250 mil toneladas de carvão devido a chuvas em Moçambique

Lusa

  • 333

Maputo, 19 fev (Lusa) - A mineira brasileira Vale anunciou na segunda-feira a perda de 250 mil toneladas no embarque de carvão metalúrgico, em virtude do fecho da linha férrea usada para o seu transporte, causado pelas chuvas que afetam Moçambique.

A segunda maior mineira do mundo, que explora uma mina de carvão em Moatize, Tete, centro de Moçambique, revelou que, no dia 15 de fevereiro, declarou "força maior em determinados contratos de carvão", depois das fortes chuvadas terem interrompido a circulação na linha do Sena, de ligação ao porto da Beira, no Índico.

"A forte chuva desde o início de fevereiro de 2013 e sua continuidade ao longo dos últimos dias em Tete, Moçambique, criou dificuldades operacionais para a ferrovia Linha do Sena, impactando o transporte de carvão", acrescentou a empresa em comunicado.