Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Militares tailandeses destruíram 256 hectares de plantações de ópio

Lusa

  • 333

Banguecoque, 28 ago (Lusa) -- As autoridades tailandesas destruíram 256 hectares de plantações de ópio nos últimos 12 meses no norte do país, revelaram as autoridades que consideram a metanfetamina o principal problema do tráfico de droga na região.

De acordo com o general Preecha Chan-ocha, comandante da região 3 do Exército, os militares destruíram as plantações em 21 quintas nas províncias de Chiang Mai, Mae Hong Son, Tak, Kamphaeng Phet, Lampang e Nan.

O mesmo militar reconheceu que as plantações ilegais de ópio, planta usada na produção de heroína, irão aumentar devido ao elevado preço no mercado.