Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Miguel Relvas deu "instruções" para não haver distribuição de dividendos na Lusa

Lusa

  • 333

Lisboa, 13 mar (Lusa) -- O ministro dos Assuntos Parlamentares, Miguel Relvas, anunciou hoje na Assembleia da República que já deu instruções aos representantes do Estado na assembleia geral da Agência Lusa para que não sejam distribuídos dividendos relativos ao exercício de 2012.

O ministro-adjunto e dos Assuntos Parlamentares sublinhou que a decisão está dependente de três quartos dos acionistas da agência, pelo que, mais uma vez este ano, a decisão passa pela votação ao lado do governo de um dos seus principais acionistas -- no exercício anterior o grupo Controlinveste votou com o Estado.

"Não nos parece moralmente aceitável, perante a redução dos salários e os constrangimentos da empresa, pudessem ser distribuídos dividendos que decorrem da indemnização compensatória, de uma boa gestão e de resultados operacionais", afirmou hoje Miguel Relvas em declarações na comissão parlamentar para a Ética, a Cidadania e a Comunicação.