Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Metade dos presos que se evadiram de prisão com tufão nas Filipinas regressou

Lusa

  • 333

Palo, Filipinas, 23 nov (Lusa) -- Cerca de metade dos presos que se evadiram de uma prisão na província filipina de Leyte, afetada pelo super-tufão Haiyan, regressou à cadeia depois de ajudar as suas famílias, informaram as autoridades locais.

A prisão provincial de Leyte, junto à localidade de Palo, tinha cerca de 600 presos quando o tufão devastou a região no dia 08, tendo o seu teto desabado com os ventos e sofreu inundações, o que permitiu a fuga dos detidos.

Um guarda prisional citado pela agência AFP indicou que todos os presos tinham fugido e que 251 já regressaram, estando detidos numa área da prisão que sofreu menos danos.