Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Merkel/Visita: Insucesso no programa português "representaria também o falhanço da Europa" - Vice-presidente da CIP

Lusa

  • 333

Lisboa, 12 nov (Lusa) - O vice-presidente da CIP afirmou hoje que existe "um risco do insucesso no processo de ajustamento" considerou que "isso representaria o falhanço para Portugal, mas também o falhanço da Europa".

João Gomes Esteves, que falava na abertura do encontro empresarial Luso-Alemão no âmbito da visita da chanceler Angela Merkel, acrescentou que "não fazer o ajustamento [da economia portuguesa] seria falhar os objectivos".

O representante dos empresários portugueses adiantou igualmente ser "necessário corrigir os desequilíbrios", mas salientou que esse esforço "não pode ser só dos países em dificuldades, [tem de ser] também daqueles que estão a criar excedentes externos", como por exemplo a Alemanha.