Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Merkel avisa que dívidas já não podem servir para assegurar bem-estar das pessoas

Lusa

  • 333

Berlim, 19 abr (Lusa) -- A chanceler alemã, Angela Merkel, defendeu hoje que já não é possível assegurar a qualidade de vida de populações à base de dívidas, devendo os países da zona euro preferir aumentar a sua competitividade.

"Quero um continente de alto rendimento que, no futuro, também possa oferecer bem-estar aos seus cidadãos", afirmou Angela Merkel, em declarações hoje publicadas no diário alemão Bild, o de maior tiragem na Europa, citado pela agência noticiosa Efe.

Na entrevista, a chanceler congratulou-se por "todos os países do Sul da Europa terem, em maior ou menor medida, introduzido reformas, necessárias para alcançar um caminho sólido", embora "à custa de dolorosos" cortes.