Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Medidas brasileiras de estímulo económico poderão ser revistas devido à inflação -- FMI

Lusa

  • 333

São Paulo, 12 out (Lusa) -- Um relatório divulgado hoje pelo Fundo Monetário Internacional (FMI) aponta que o crescimento da inflação no Brasil em 2013 poderá levar o país a rever as atuais medidas de estímulo económico.

Atualmente, o país tem tomado medidas para "alavancar" a economia, como os cortes na taxa básica de juros e a desoneração de impostos de setores industriais. A inflação anual prevista pelo relatório Perspetivas Económicas Regionais para o Brasil é de 5,1 por cento em 2013.

"Essas medidas refletem uma tentativa deliberada de trazer a taxa real de juros do Brasil a níveis comparáveis aos das outras economias emergentes", afirma o FMI.