Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Médicos aconselham Blokhin a deixar temporariamente o futebol para recuperar de crise hipertensa

Lusa

  • 333

Kiev, 06 out (Lusa) -- Os médicos que assistiram Oleg Blokhin devido a uma crise de hipertensão aconselharam o selecionador da Ucrânia e treinador do Dínamo Kiev, próximo adversário do FC Porto na Liga dos Campeões, a abandonar por algum tempo o futebol.

"Cremos que o pico emocional que viveu Oleg Vladímirovich nos últimos 10 dias não passou sem deixar marcas. No entanto, não existe risco de vida. O seu estado é estável e esperamos que tudo corra bem", disse Mijail Radutski, diretor do hospital onde está internado Blokhin, em declarações a um diário local.

Antigo futebolista e Bola de Ouro em 1975, Blokhin deveria orientar a Ucrânia no jogo com a Moldávia, na próxima sexta-feira, e, quatro dias mais tarde, a 16 de outubro, frente à seleção de Montenegro, da fase de qualificação europeia para o Mundial2014.