Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Medicina: recém-licenciados fazem Juramento de Hipócrates e admitem exercer "aqui ou lá fora"

Lusa

  • 333

Porto, 17 dez (Lusa) - Magda Alves foi um dos cerca de 500 recém-licenciados em Medicina que este domingo fizeram o Juramento de Hipócrates, no Porto, e, como vários deles, admite emigrar, porque o seu objetivo é "ser médica, aqui ou lá fora".

Magda, Alexandre Sarmento, Rui Tuna e Ana Pires encaram a emigração como uma real possibilidade por motivos laborais, segundo disseram à agência Lusa, à entrada para a Sala Guilhermina Suggia, na Casa da Música, no Porto, onde o juramento teve lugar. A iniciativa foi da Secção Regional do Norte da Ordem dos Médicos.

O juramento é um momento solene, uma etapa crucial para os futuros médicos e o ponto final de um percurso iniciado seis anos antes nas faculdades de Medicina do Porto ou de Braga, no Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar (ICBAS) ou noutras escolas superiores.