Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Medicamentos: Risco de escassez com a redução de despesa prevista para 2013 - Apifarma

Lusa

  • 333

Lisboa, 20 set (Lusa) - A indústria farmacêutica alertou hoje a comissão de economia para o risco de virem a faltar medicamentos se no próximo Orçamento de Estado for mantido o objetivo de redução de 400 milhões de euros nas despesas com fármacos.

A Associação Portuguesa da Industria Farmacêutica (Apifarma) foi hoje ouvida pelos deputados da Comissão de Economia, a quem tentaram sensibilizar para não manter o objetivo de despesa com medicamentos até 1% do PIB (Produto Interno Bruto) inscrito no memorando da troika.

Segundo o presidente da Apifarma, João Almeida Lopes, está em causa uma "redução adicional de 400 milhões de euros para 2013, depois de se ter reduzido 300 milhões em 2012 e 300 milhões em 2011. Em três anos são mil milhões de euros, o que é insuportável".