Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Matosinhos: Autoridades averiguam se dono do cão que matou mulher cumpria requisitos legais - Autarquia

Lusa

  • 333

Porto, 26 ago (Lusa) -- As autoridades vão averiguar na próxima semana se o dono do cão que matou uma mulher na sexta-feira em Matosinhos cumpria os requisitos exigidos por lei aos detentores de animais potencialmente perigosos, disse à Lusa fonte autárquica.

Paralelamente, o Ministério Público abrirá um inquérito para averiguar as circunstâncias do caso, esclareceu Joana Felício, vereadora com o pelouro do Ambiente, Polícia Municipal e Proteção Civil da Câmara de Matosinhos.

Uma mulher de 46 anos morreu na sexta-feira à noite em Matosinhos após ser atacada pelo cão do filho, um animal cruzado de 'pitbull' e leão da Rodésia e, por isso, abrangido pelo decreto-lei n.º 315/2009, que prevê as normas aplicáveis à detenção de animais perigosos e potencialmente perigosos.