Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Mário Figueiredo quer Liga a gerir direitos televisivos

Lusa

  • 333

Oliveira de Azeméis, 02 jun (Lusa) -- O presidente da Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP), Mário Figueiredo, disse hoje, em Oliveira de Azeméis, que pretende apresentar uma proposta de lei em que a Liga figure como entidade gestora dos direitos televisivos.

"O equilíbrio dos clubes tem vivido de receitas extraordinárias. Essas receitas extraordinárias advêm da venda de jogadores -- sendo que Portugal é o único país da Europa com receitas positivas das transferências - e das verbas recebidas dos direitos televisivos", referiu Mário Figueiredo, à margem do XII Congresso Nacional de Treinadores, a decorrer em Oliveira de Azeméis.

O dirigente, que considera que os valores gerados pelas transmissões televisivas são o dobro do recebido pelos clubes, adiantou: "Como é possível que os clubes de futebol só recebam 65 milhões de euros de receitas televisivas? Temos que alterar isto. É nossa intenção preparar uma proposta de lei, na qual queremos a contribuição de todos".