Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Maomé/Filme: Governo de Timor-Leste condena onda de violência

Lusa

  • 333

Díli, 17 set (Lusa) - O governo de Timor-Leste condenou em comunicado divulgado à imprensa a violência que se tem registado no mundo árabe-muçulmano em protesto contra um polémico filme que ridiculariza o Islão divulgado nos Estados Unidos.

"O Governo de Timor-Leste deseja juntar a sua voz aos líderes espirituais e do mundo que clamam por calma e estabilidade. Timor-Leste continua a permanecer firme na solidariedade com todo os Estados que pretendem promover a paz e a tolerância entre todos os cidadãos do mundo e condena, veemente, qualquer tipo de violência", refere o documento divulgado domingo.

No comunicado, o governo timorense apresenta também condolências aos familiares do embaixador norte-americano na Líbia Christopher Stevens morto num ataque contra o edifício do consulado dos EUA em Benghazi.