Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Málaga recusa ser "bode expiatório" e vai recorrer da decisão da UEFA

Lusa

  • 333

Madrid, 21 dez (Lusa) -- O Málaga, adversário do FC Porto na Liga dos Campeões em futebol, vai recorrer da decisão da UEFA em banir o clube espanhol da próxima edição das competições europeias, por considerar que é "completamente injusta e desproporcionada".

Em comunicado publicado no seu site oficial, o Málaga vai mais longe e acusa mesmo o organismo que rege o futebol europeu de estar a usar o clube em que atuam os portugueses Duda e Eliseu como "bode expiatório".

"O Málaga FC expressa total desacordo com a decisão da UEFA, considerando que é completamente desproporcionada e injustificável. É injusto, porque está a tentar fazer o Málaga FC como um exemplo na luta contra o incumprimento financeiro, fazendo deste clube um bode expiatório", lê-se no comunicado.