Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Mais de dois terços dos alemães defende manutenção do euro - Sondagem

Lusa

  • 333

Berlim, 09 abr (Lusa) -- Cerca de 69% dos alemães, a maior percentagem de sempre, querem manter o euro, apesar da crise que atinge os países da zona, indica uma sondagem hoje publicada.

Dos alemães inquiridos pelo instituto Forsa para o jornal económico alemão Handelsblatt, cerca de 69% defenderam que a Alemanha deve manter o euro como moeda e que o euro vai continuar a existir no futuro.

Esta percentagem de apoio dos alemães ao euro é a mais elevada desde a introdução da moeda única em 2002, indica o Handelsblatt, que recorda que em 2012 metade dos alemães rejeitava a união monetária.