Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Mais de 400.000 aves terão de ser mortas no México devido a surto de gripe das aves

Lusa

  • 333

Cidade do México, 17 fev (Lusa) -- Mais de 400.000 aves terão de ser mortas no estado mexicano de Guanajuato devido ao ressurgimento da gripe das aves na região, afirmou o governador local, Miguel Márquez.

Questionado pelos jornalistas, o governante explicou, no entanto, não existirem motivos para que a especulação leve a um aumento do preço da carne de frango e dos ovos.

"Já temos um cerco sanitário que nos vai permitir controlar a situação e serão mais de 400.000 aves mortas, mas esta situação não deve abrir a porta à especulação para que subam os preços da carne de frango e dos ovos", afirmou o governador citado pelo jornal El Sol, que se publica em Irapuato.