Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Mais de 3.500 crianças abandonaram grupos armados da Colômbia na última década -- oficial

Lusa

  • 333

Bogotá, 03 mai (Lusa) ¬-- O ministro da Defesa da Colômbia, Juan Carlos Pinzón, disse, esta quinta-feira, que desde 2002 até agora um total de 3.521 crianças abandonaram as fileiras de grupos armados.

"Desde 2002, ano a partir do qual se gerou uma desmobilização significativa, mais de 3.500 menores de idade desmobilizaram", revelou Juan Carlos Pinzón aos jornalistas em Guaviare.

Durante a apresentação de uma campanha de prevenção contra o recrutamento infantil, o ministro da Defesa indicou que 1.021 das crianças que desertaram desde 2002 eram do sexo feminino, mas sem detalhar a que organizações criminosas pertenciam.