Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Mais de 200 civis permanecem detidos por rebeldes no sul das Filipinas

Lusa

  • 333

Manila, 09 set (Lusa) -- Mais de 200 civis permanecem detidos por alegados membros do grupo rebelde Frente Moro de Libertação Nacional (FMLN), na cidade filipina de Zamboanga, no sul do arquipélago, revela hoje o diário The Inquirer.

Um porta-voz do Exército, citado pelo jornal, indicou que os alegados insurgentes separatistas mantêm reféns cerca de 200 pessoas na zona de Kasanyangan e outras 37 em Santa Catalina, na sequência de um ataque iniciado às primeiras horas de hoje.

Esta manhã, a imprensa local dava conta de que um grupo de homens fortemente armados, alegados membros da FMLN tinha entrado na cidade ao amanhecer, após violentos confrontos com soldados destacados na zona, durante os quais pelo menos um membro do exército filipino foi morto e outros dez feridos.