Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Maioria das câmaras não tem planos municipais de emergência atualizados -- Asprocivil

Lusa

  • 333

Leiria, 01 mar (Lusa) - O presidente da Asprocivil - Associação Portuguesa de Técnicos de Segurança e Proteção Civil, Ricardo Ribeiro, disse hoje que a maioria das câmaras não tem os planos municipais de emergência aprovados e atualizados.

"Segundo as últimas informações que tivemos, pouco mais de 20% das câmaras têm os planos municipais de emergência aprovados e atualizados e só 18% das autarquias têm os seus comandantes operacionais nomeados", adiantou à agência Lusa Ricardo Ribeiro, num seminário que assinalou o Dia Mundial da Proteção Civil, na Escola Superior de Tecnologia e Gestão, em Leiria.

Recordando o temporal de 19 de janeiro, o especialista criticou a falta de organização e de preparação para responder às catástrofes. "O SIRESP [Sistema Integrado das Redes de Emergência e Segurança em Portugal] deixou de funcionar em vários concelhos e sem comunicações não há organização nem coordenação. Isto acontece porque a análise de riscos não é bem feita."