Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Maior risco para programa de assistência a Portugal é o fraco crescimento económico - Fitch

Lusa

  • 333

Lisboa, 28 fev (Lusa) - O maior risco de derrapagem do programa de assistência económica e financeira de Portugal é o fraco crescimento económico, considera o diretor da agência de notação financeira Fitch Douglas Renwick.

"Se existe algum risco de derrapagem no programa português é o fraco crescimento económico mais que qualquer outra coisa", afirmou o Diretor da equipa de dívida soberana Douglas Renwick, analista que acompanhava o 'rating' [avaliação] português.

Ainda assim, o analista considera que existem razões para acreditar que os riscos para as projeções feitas para o crescimento económico em Portugal são mais equilibrados este ano do que em 2012.