Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Lusíadas declamado em tascas de Coimbra para dessacralizar a obra de Camões

Lusa

  • 333

Coimbra, 08 nov (Lusa) - O ator António Fonseca tem declamado excertos de cantos da obra "Os Lusíadas", de Luís de Camões, por tascas de Coimbra, sendo a próxima sessão na segunda-feira, na Taberna d'Aviz, na baixa da cidade.

O ator, ao levar a obra de Camões para tascas, pretende "dessacralizar os Lusíadas e a própria cultura", considerando que "a arte deve fazer parte da mesa e deve estar mais perto da vida".

Considera ainda natural o cruzamento entre tascas e os Lusíadas - "a cultura entranhada no quotidiano".