Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Venezuela expressa solidariedade para com Filipinas face aos "momentos difíceis"

Lusa Visão Verde

  • 333

Caracas, 11 nov (Lusa) - O governo venezuelano manifestou hoje a sua solidariedade para com as Filipinas, país que atravessa "momentos difíceis", causados pela trágica passagem do tufão Haiyan, que, segundo as estimativas, poderá ter provocado mais de dez mil mortos.

"O Presidente da República Bolivariana da Venezuela, Nicolás Maduro Moros, em nome do povo venezuelano presta as mais sentidas condolências ao povo irmão e governo da República das Filipinas, pelas perdas humanas e feridos, ocorridos após a passagem do tufão Haiyan, na madrugada da sexta-feira, 08 de novembro, na região das Visayas Orientais e Centrais", lê-se num comunicado do Ministério das Relações Exteriores venezuelano.

No documento é sublinhado ainda que o Governo venezuelano "expressa os seus sentimentos de irmandade neste triste momento e reitera o seu acompanhamento permanente à República das Filipinas na contínua construção de sólidas relações, especialmente nos momentos difíceis como este, nos quais a fraternidade e a solidariedade são estandarte de união".