Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Utilização crescente do carvão para produção de eletricidade "é a pior opção" -- Quercus

Lusa Visão Verde

  • 333

Lisboa, 09 nov (Lusa) -- A Quercus defendeu hoje que a utilização crescente do carvão para a produção de eletricidade é "a pior opção" do ponto de vista energético e ambiental, apelando à intervenção europeia para encarecer as emissões de dióxido de carbono.

"Do ponto de vista energético e ambiental, o carvão é um erro, é a pior opção", afirmou à Lusa Francisco Ferreira, da associação ambientalista Quercus, reagindo à notícia de que um quarto do consumo de eletricidade em Portugal, nos primeiros dez meses do ano, foi abastecido pela produção a partir de carvão, sendo atualmente a principal fonte para produção de elétrica.

Francisco Ferreira explicou que a produção de eletricidade a partir de carvão tem "enormes perdas", quando comparada com as centrais a gás, além de emitir três vezes mais dióxido de carbono.