Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Tufão "Bopha" obriga a deslocar mais de 40.000 pessoas

Lusa Visão Verde

  • 333

Manila, 04 dez (Lusa) - Mais de 40.000 pessoas tiveram de ser realojadas em campos de refugiados criados pelo Governo das Filipinas antes da chegada do tufão "Bopha", informaram hoje as autoridades locais.

"Pablo", o nome local atribuído pelos meteorologistas filipinos, entrou esta manhã na ilha de Mindanao, no sul do país, com ventos de 175 quilómetros por hora e chuvas intensas e atravessará o arquipélago filipino de este a oeste, se a trajetória se mantiver inalterada, indicou o serviço meteorológico filipino (Pagasa).

De acordo com o último boletim da Proteção Civil das Filipinas, umas 41.000 pessoas alojaram-se nos 1.000 abrigos criados pelo Governo na ilha de Mindanao.