Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Trabalhadores da TAP convencidos que "o negócio vai avançar"

Lusa Visão Verde

  • 333

Lisboa, 19 dez (Lusa) -- O porta-voz dos sindicatos dos trabalhadores da TAP defendeu hoje que a companhia "não pode ser vendida a saldo e no pior momento dos últimos 100 anos", mas mostrou-se convencido de que "o negócio vai avançar".

"Temos poucas dúvidas de que, daquilo que ouvimos do secretário de Estado, o Conselho de Ministros decida que não vende a TAP agora a este investidor", afirmou André Teives, porta-voz dos oito sindicatos que hoje se reuniram com o secretário de Estado dos Transportes, Sérgio Monteiro.

Os representantes dos trabalhadores consideram que a solução é a TAP continuar como está, uma vez que "este é o pior momento para ser vendida nos últimos 100 anos".