Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Trabalhadores da ANA exigem saber quando deixam de ter cortes salariais da função pública

Lusa Visão Verde

  • 333

Lisboa, 12 abr (Lusa) - A Comissão de Trabalhadores da ANA exigiu hoje saber quando é que os salários dos trabalhadores da gestora de aeroportos vão deixar de estar sujeitos aos cortes médios de 5% aplicados à função pública.

"Exige-se que seja dado conhecimento aos trabalhadores quando e em que condições são repostos os seus salários, nas parcelas pecuniárias sujeitas às medidas restritivas do Orçamento do Estado, desde 2011, bem como os restantes aspetos do Acordo de Empresa, cujos efeitos estão desde aquela data igualmente suspensos", reclamou em comunicado a Comissão de Trabalhadores da ANA.

Dois meses após a formalização do acordo para a privatização da ANA ao grupo Vinci, os trabalhadores questionam o Governo, a Parpública, o Conselho de Administração da empresa e a própria Vinci sobre a reposição das condições salariais na empresa.