Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Taxa Hídrica revolta agricultores e proprietários do Baixo Vouga lagunar

Lusa Visão Verde

  • 333

Aveiro, 20 abr (Lusa) - O presidente da Junta de Cacia, Casimiro Calafate, exige a suspensão da cobrança da Taxa de Recursos Hídricos (TRH), em terrenos agrícolas atingidos pelo avanço da água salgada, na zona do Baixo Vouga lagunar.

O assunto foi levantado na noite de sexta-feira, durante o período antes da ordem do dia na sessão da Assembleia Municipal de Aveiro, pelo autarca eleito pela coligação PSD/CDS, que pediu "uma tomada de posição de força" contra a taxa, por parte deste órgão.

Casimiro Calafate anunciou ter já enviado um ofício à Agência Portuguesa de Ambiente (APA) a dar conta da "revolta e indignação" dos agricultores e proprietários de terrenos agrícolas no Baixo Vouga lagunar, por causa da aplicação da TRH.