Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Subsídios: CGTP exige que trabalhadores sejam ressarcidos

Lusa Visão Verde

  • 333

Lisboa, 05 jul (Lusa) - O secretário-geral da CGTP, Arménio Carlos, exigiu que os trabalhadores cujos subsídios de férias e de Natal foram cortados sejam "ressarcidos daquilo que ilegalmente lhes foi retirado" e que o Governo assuma "consequências políticas".

O Tribunal Constitucional (TC) declarou hoje a inconstitucionalidade da suspensão do pagamento dos subsídios de férias e de Natal a funcionários públicos ou aposentados, mas determinou que esta decisão não tem efeitos para este ano.

Em declarações à agência Lusa, o líder da Confederação Geral dos Trabalhadores Portugueses (CGTP) considerou que "tem de haver responsabilidades" a apurar face a esta decisão do TC, que "confirma que o Governo estava claramente a violar a Constituição Portuguesa".