Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Propostas de alteração ao regime de convergência "não resolvem o problema" - Frente Comum

Lusa Visão Verde

  • 333

Lisboa, 29 out (Lusa) - A Frente Comum dos Sindicatos da Administração Pública rejeitou hoje qualquer corte nas pensões no âmbito do regime de convergência e, apesar de eventuais propostas de alteração, estas "não resolvem o problema".

"Não aceitamos que, relativamente aquilo que as pessoas hoje recebem, fruto do seu trabalho em termos de carreira profissional, isso lhes seja retirado e qualquer proposta que minimiza uma proposta, não resolve o problema, de todo", disse a coordenadora da estrutura sindical, Ana Avoila.

Falando aos jornalistas após a audiência na comissão parlamentar de Orçamento, Finanças e Administração Pública, no âmbito da apreciação, na especialidade, da proposta de lei n.º 171/XII/2.ª (GOV) que estabelece mecanismos de convergência do regime de proteção social da função pública com o regime geral da segurança social, Ana Avoila reforçou que se trata de "um roubo".