Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Projeto de regadio do Baixo Mondego começou há 30 anos e só metade está concluído

Lusa Visão Verde

  • 333

Montemor-o-Velho, 25 mar (Lusa) - O projeto da obra de fomento hidroagrícola do Baixo Mondego iniciou-se há mais de 30 anos, mas atualmente só abrange cerca de metade dos 13 mil hectares de campos de cultivo na região.

Ouvido pela reportagem da Lusa, Pinto da Costa, produtor de arroz, olha para os seus terrenos e vê-se como que "numa fronteira entre dois países diferentes": a poente da estrada que liga o castro de Santa Eulália à povoação da Ereira não há obra de regadio, mas a nascente o regadio já existe.

"Foi exatamente aqui, há 13 anos, que as obras pararam. Esta fronteira significa que, por vontade de alguém, há agricultores muito penalizados", afirmou.