Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Presidente cabo-verdiano "satisfeito" com libertação dos agentes detidos na Guiné-Bissau

Lusa Visão Verde

  • 333

Cidade da Praia, 31 jul (Lusa) - O Presidente cabo-verdiano mostrou-se hoje satisfeito com a libertação dos dois polícias cabo-verdianos detidos na Guiné-Bissau, mas defendeu que o caso deve ser analisado para corrigir "eventuais falhas".

Os dois agentes cabo-verdianos que estavam detidos na Guiné-Bissau desde o dia 12 de julho, foram libertados na terça e, em declarações à Inforpress, Jorge Carlos Fonseca afirmou que a libertação foi feita "num espaço de tempo razoável".

"Imagino que para os próprios agentes, que estiveram sob regime de tensão, e para os seus familiares, isso será motivo de alegria, alívio e contentamento porque esta era uma situação que naturalmente não era muito agradável", acrescentou.