Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Porto: Custos do Aeroporto Sá Carneiro ficam congelados por dez anos e em Lisboa sobem 40%

Lusa Visão Verde

  • 333

Porto, 17 nov (Lusa) - As taxas do Aeroporto Francisco Sá Carneiro (AFSC) vão ficar congeladas durante "dez anos" após a privatização e as do aeroporto de Lisboa subirão 40 por cento no mesmo período, disse o secretário de Estado dos Transportes.

Sérgio Monteiro falava sexta-feira à noite, no Porto, numa conferência sobre o tema "A privatização da ANA e o futuro do Aeroporto Francisco Sá Carneiro", que kfoi promovida pelo PSD local.

O governante afirmou, também, que o AFSC beneficiará mais com a privatização em bloco da ANA do que com uma alienação separada, que tem sido reclamada por vários agentes políticos, económicos e outros, porque desse modo poderá continuar a beneficiar do que designou por" subsidiação cruzada".