Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Petrogal condenada a devolver salário descontado a grevista - Sindicato

Lusa Visão Verde

  • 333

Porto, 28 mar (Lusa) - A Petrogal foi condenada a pagar uma indemnização de mais de 32.000 euros a um trabalhador da refinaria de Matosinhos, a anular a sanção que lhe foi aplicada e a devolver-lhe as remunerações descontadas, informou hoje fonte sindical.

"O Tribunal de Trabalho de Matosinhos decidiu anular a sanção disciplinar aplicada pela Petrogal a um trabalhador da refinaria de Matosinhos, dirigente do Sindicato dos Trabalhadores das Indústrias Transformadoras, Energia e Atividades do Ambiente do Norte (SITE Norte) e da Fiequimetal e também membro da Comissão de Trabalhadores", revela a Fiequimetal, federação intersindical de várias indústrias.

Num comunicado divulgado às redações e cuja versão completa está publicada na sua página da Internet, a Fiequimetal esclarece que, "por sentença de dia 20, o tribunal considerou abusiva a suspensão de doze dias e condenou a empresa a pagar uma indemnização de mais de 32 mil euros, para além das remunerações indevidamente descontadas".