Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Organização Meteorológica Mundial insta à redução urgente das emissões de dióxido de carbono

Lusa Visão Verde

  • 333

Quito, 11 jan (Lusa) -- A Organização Meteorológica Mundial (OMM) defendeu, esta quinta-feira, uma redução urgente das emissões de dióxido de carbono (CO2) e de outros gases com efeito de estufa, bem como uma adaptação da sociedade mundial ao aquecimento global.

Estas são as duas frentes de trabalho que a OMM identificou para que se possa enfrentar o desafio das mudanças climáticas, disse, à agência Efe, o secretário-geral do organismo, Michel Jarraud, que participou na celebração do 10.º aniversário do Centro Internacional para a Investigação do Fenómeno do El Niño, com sede na cidade de Guayaquil, no Equador.

Para Michel Jarraud, é "importante atuar em duas frentes": primeiro, na redução, "o mais rápido possível", das emissões de gases com efeito de estufa, de forma a travar o aquecimento global, sendo, ao mesmo tempo, necessário "trabalhar na adaptação" da humanidade às mudanças climáticas.