Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Metro do Porto: Rui Rio acusa "membros do Governo" de tentar "fragilizar mais o ministro da Economia"

Lusa Visão Verde

  • 333

Porto, 29 jun (lusa) - O presidente da Junta Metropolitana do Porto, Rui Rio, afirmou hoje à Lusa que houve "interferências" de membros do Governo na tentativa de eleição da nova administração da Metro do Porto para "politicamente fragilizar mais o ministro da Economia".

A assembleia-geral da Metro do Porto, agendada para hoje com o objetivo de eleger os novos órgãos sociais, foi suspensa por 15 dias, devido à ausência do representante do Estado, mantendo-se Ricardo Fonseca na presidência.

Isto horas depois de a Junta Metropolitana do Porto ter aprovado o nome de João Velez de Carvalho, proposto pelo Governo, para a presidência do conselho de administração daquela empresa.