Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Mau tempo: Prejuízos nos arrozais do Alentejo podem ultrapassar 3 ME -- Associação

Lusa Visão Verde

  • 333

Alcácer do Sal, 07 abr (Lusa) - A inundação dos arrozais do Alentejo está a atrasar a preparação das sementeiras, segundo o presidente da Associação de Orizicultores de Portugal (AOP), que estima os prejuízos em mais de três milhões de euros.

Nesta altura, a preparação dos terrenos "já deveria estar bastante avançada", disse hoje à agência Lusa João Reis Mendes, observando que, com as terras alagadas, "as máquinas não podem entrar".

Tal só poderá acontecer, na maioria dos casos, "depois de as águas escoarem e as terras enxugarem durante um período sem chuva de pelo menos três a quatro semanas", o que irá atirar a sementeira para junho, já "fora da época".