Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Mau tempo: Mais de 25 hectares de estufas de framboesas e morangos destruídos em Odemira

Lusa Visão Verde

  • 333

Odemira, 24 jan (Lusa) -- O mau tempo do último fim de semana destruiu mais de 25 hectares de estufas de framboesas e morangos no concelho de Odemira, causando prejuízos "largamente" superiores a dois milhões de euros, revelou hoje o representante dos horticultores.

O presidente da Associação de Horticultores do Sudoeste Alentejano (AHSA), Paul Dolleman, indicou à agência Lusa que a intempérie afetou cerca de 15 empresas da zona, que empregam mais de 3.500 pessoas, mas não avançou se poderá haver redução de postos de trabalho.

Os efeitos do temporal sentiram-se, principalmente, no Perímetro de Rega do Mira, abastecido pela barragem de Santa Clara, zona onde estão implantados cerca de 140 hectares de estufas e túneis de plástico para a produção de framboesas e morangos, explicou. Uma área "entre 25 e 30 hectares" destas plantações ficou destruída, bem como culturas ao ar livre, devido ao vento e à queda de granizo, contabilizando-se estragos que ultrapassam "largamente" os dois milhões de euros, afirmou Paul Dolleman.