Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Luzes que EDP pretendia desligar em Paços de Ferreira não tinham autorização

Lusa Visão Verde

  • 333

Paços de Ferreira, 21 jun (Lusa) - A EDP informou que os pontos de iluminação pública que hoje pretendia desligar em Paços de Ferreira, mas que a população impediu, tinham sido ligados, sem autorização, "por desconhecidos", contrariando uma disposição da câmara local.

Fonte da empresa disse hoje à Lusa que cerca de três dezenas de lâmpadas, na freguesia de Ferreira, foram desligadas, recentemente, no âmbito da política da câmara local para a redução de custos energéticos.

Quando a autarquia detetou que, entretanto, alguém ligara, de novo, as referidas lâmpadas, deu indicação à EDP para que procedesse ao desligamento, algo que a população, liderada pelo presidente da junta, hoje não permitiu.