Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Inquérito/PPP: Mário Lino diz que "havia dinheiro" para cinco linhas de alta velocidade

Lusa Visão Verde

  • 333

Lisboa, 14 dez (Lusa) - O antigo ministro das Obras Públicas Mário Lino defendeu hoje que cinco linhas de alta velocidade não era um projeto "megalómano", realçando que "havia dinheiro" e "uma comparticipação muito forte" dos fundos comunitários.

"Da minha parte nunca pus em causa o projeto das cinco linhas de alta velocidade que vinham do Governo anterior [PSD]. Com base em estudos que tinham sido feitos, pareceu-me razoável", afirmou Mário Lino, realçando que, até ter deixado o Governo, em 2009, estiveram "sempre" em cima da mesa as cinco linhas.

Na comissão parlamentar de inquérito às parcerias público-privadas (PPP), o antigo governante, do Governo de José Sócrates, defendeu que "havia dinheiro" e o projeto da alta velocidade tinha "uma participação muito forte da União Europeia".