Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Inquérito/PPP: Estudos de tráfego do metro sul do Tejo falharam porque pressupostos não se verificaram - IMTT

Lusa Visão Verde

  • 333

Lisboa, 07 dez (Lusa) -- A vogal do conselho diretivo do IMTT Ana Pereira de Miranda desvalorizou hoje os erros nos estudos de tráfego realizados para o metro sul do Tejo, considerando que podem resultar de "pressupostos" que não se concretizaram.

"Os estudos são apenas modelos", afirmou a responsável do Instituto da Mobilidade e dos Transportes Terrestres (IMTT), na comissão de inquérito parlamentar às parcerias público-privadas (PPP), quando confrontada pelo deputado do CDS-PP Hélder Amaral sobre o facto do tráfego real corresponder a menos de 30% das previsões iniciais de procura, de acordo com a auditoria de 2011 do Tribunal de Contas.

Ana Pereira de Miranda realçou que os estudos de tráfego assentaram em pressupostos que "acabaram por não se concretizar", explicando que, na altura, existia "uma expectativa de convergência de preços entre a ponte 25 de Abril e a ponte Vasco da Gama, o que não se veio a concretizar".