Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Finanças já travaram suspensão da lei das 40 horas nos impostos - sindicato

Lusa Visão Verde

  • 333

Lisboa, 26 set (Lusa) - O presidente do Sindicato dos Trabalhadores dos Impostos, Paulo Ralha, disse hoje à Lusa que as Finanças já entregaram a declaração de interesse publico relativa às 40 horas, a qual foi aceite pelo tribunal, o que suspende a providência cautelar.

"O Governo já entregou a declaração de interesse público e os argumentos foram acolhidos pelo tribunal, suspendendo" os efeitos da providência cautelar colocada pelo sindicato, que suspendia a aplicação das 40 horas de trabalho para os funcionários dos impostos, disse o presidente do STI.

Sobre quais serão os novos horários dos funcionários dos impostos a partir de segunda-feira, o presidente do STI disse: "Não faço a mínima ideia, ainda não foram enviados os novos horários".