Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Excesso de ansiolíticos e antidepressivos pode prejudicar alunos - Observatório

Lusa Visão Verde

  • 333

Lisboa, 03 jun (Lusa) -- O Observatório de Interações Planta--Medicamento (OIPM) advertiu hoje que o "uso excessivo" de ansiolíticos e antidepressivos pelos alunos, em época de exames, pode "funcionar em contracorrente", porque a memória fica diminuída.

Os jovens são o alvo desta semana da campanha "Aprender Saúde entre as Plantas e os Medicamentos", do observatório da Faculdade de Farmácia da Universidade de Coimbra (FFUC).

"O uso de medicamentos na época dos exames traz vários problemas aos alunos", disse à Lusa a investigadora Ana Rute Nunes, adiantando que "muitas destas substâncias aumentam os níveis de neurotransmissores, mas o custo na atividade neuronal a curto e longo prazo pode ser muito elevado, dado que muitas [destas substâncias] são produzidas sem nenhum controlo e o impacto que causam no organismo muitas vezes é imprevisível".