Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Estado Social deve ser melhorado e não cortado - Guilherme d'Oliveira Martins

Lusa Visão Verde

  • 333

Porto, 23 nov (Lusa) -- O coordenador nacional das semanas sociais promovidas pela Conferência Episcopal Portuguesa (CEP), Guilherme d'Oliveira Martins, afirmou hoje, no Porto, ser "fundamental" preservar o Estado Social, que "deve ser melhorado" e "não pode ser cortado".

"Este agravamento das desigualdades e das injustiças que tivemos nos últimos anos e uma certa prevalência da ilusão contabilística não podem continuar", afirmou aos jornalistas Guilherme d'Oliveira Martins, que preside o Tribunal de Contas.

Na sessão de abertura da Semana Social 2013, o responsável sublinhou que "não é mais possível dar tudo a todos ao mesmo tempo", sendo necessário "adequar permanentemente os recursos às finalidades".