Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Companhias aéreas do Japão aceitam zona de controlo chinês que Tóquio rejeita

Lusa Visão Verde

  • 333

Tóquio, 26 nov (Lusa) - Companhias japonesas de aviação anunciaram hoje que vão seguir as regras impostas pela China na Zona de Controlo Aéreo estabelecida por Pequim no Mar da China Oriental apesar de Tóquio defender que as medidas devem ser ignoradas.

A China estabeleceu, no sábado, uma zona de controlo aéreo que inclui as ilhas Diaoyu/Senkako, formalmente administradas pelo Japão, mas que a Pequim reclama como parte do seu território.

Agora, apesar das autoridades japonesas terem indicado que as regras da China na zona devem ser ignoradas, a All Nippon Airways (ANA) revelou que desde domingo tem apresentado os planos de voo às autoridades chinesas sempre que cruza a zona definida pelas autoridades de Pequim, procedimento que é também seguido pela Peach Aviation, filial da ANA.