Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

CIP preocupada com competitividade energética em alguns setores

Lusa Visão Verde

  • 333

Lisboa, 20 mai (Lusa) - O presidente da Confederação Empresarial de Portugal (CIP), António Saraiva, sublinhou hoje ser necessário que as empresas portuguesas sejam competitivas em matéria de energia, o que em alguns segmentos, não acontece.

"A energia não é barata ou cara, a energia em Portugal é competitiva ou não é, em alguns segmentos, não é competitiva", disse António Saraiva aos jornalistas no final de uma reunião de Concertação Social de preparação do Conselho Europeu de quarta-feira e que integrará a política energética comunitária na agenda.

O presidente da CIP sublinhou, no entanto, que Portugal "tem que fazer o seu trabalho de casa", mas está sempre dependente da política comunitária no que se refere à política energética.