Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

China em alerta máximo perante aproximação do tufão Soulik

Lusa Visão Verde

  • 333

Pequim, 13 jul (Lusa) -- As autoridades chinesas decretaram hoje o alerta máximo para o sudeste do país perante a aproximação do tufão Soulik, que causou um morto e cerca de 20 feridos em Taiwan, informou a agência Xinhua.

O tufão deverá chegar hoje à província chinesa de Fujian, segundo as previsões das autoridades locais, que alertaram para a possibilidade de subida do nível do mar e registo de ondas de até dez metros de altura.

O tufão aproxima-se da China a cerca de 25 quilómetros por hora com ventos de até 137 quilómetros por hora.