Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Casal jovem troca o Grande Porto por Chaves para se dedicar à produção de fumeiro

Lusa Visão Verde

  • 333

Chaves, 06 fev (Lusa) - Um casal mudou de vida aos 30 anos, ao trocar o Grande Porto por uma aldeia de Chaves, para pôr fim ao stress do dia-a-dia e se dedicar à produção de alheiras, chouriças e salpicões.

Catarina Santos, de 35 anos, e Agostinho Fontoura, de 31 anos, trabalhavam há mais de nove anos num hipermercado em Águas Santas, na Maia, arredores do Porto, mas como o ritmo de vida era "muito stressante" decidiram trocar, há dois anos, o litoral pelo interior.

Sem tempo para a filha de três anos, a Maria, decidiram arriscar, mesmo em tempo de crise, e criar uma cozinha regional - Lugar da Eira - em São Vicente da Raia, Chaves, terra natal de Agostinho.