Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

ASAE está a avaliar possível fraude com refeições ultracongeladas

Lusa Visão Verde

  • 333

Lisboa, 16 jun (Lusa) - O presidente da Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE) disse hoje que está a analisar informação sobre um possível caso de fraude relacionado com refeições ultracongeladas, garantindo que não está em causa a saúde pública.

O caso, denunciado hoje pelo Diário de Notícias, envolve um preparado de bacalhau com natas da marca Polegar, vendida no Jumbo, que, em vez do bacalhau, continha peixe-caracol, uma espécie de venda não autorizada em Portugal.

"Os serviços estão a atuar no terreno, a recolher e analisar informação, para avaliar a situação que foi denunciada. Estamos a verificar o que aconteceu e tomaremos as medidas necessárias face às circunstâncias", disse à Lusa o presidente da ASAE, Francisco Lopes.