Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Ambiente: Redução da desflorestação da Amazónia diminuiu em 57% a emissão de gases

Lusa Visão Verde

  • 333

São Paulo, Brasil, 11 ago (Lusa) - A redução da desflorestação da Amazónia brasileira desde 2004 teve como consequência uma queda de 57 por cento na emissão de dióxido de carbono para a atmosfera, anunciou na sexta-feira o Instituto Nacional de Investigação Espacial (INPE).

Segundo o organismo estatal, o dado implica que a desflorestação da selva amazónica represente cerca de 1,5 por cento de todo o dióxido de carbono antropogénico (aquele que deriva das actividades humanas) lançado à escala mundial para a atmosfera.

Os dados correspondem a um novo serviço lançado pela instituição que depende do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação, segundo um comunicado.